Topo
Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Clipping/O Globo 4 — Os 40 sanguessugas

Reinaldo Azevedo

2023-02-20T17:22:27

23/02/2017 22h27

Por Jailton de Carvalho, nesta segunda: "A CPI dos Sanguessugas, criada para investigar o envolvimento de parlamentares com a organização acusada de vender ambulâncias superfaturadas, não terá dificuldades para deixar em apuros uma numerosa bancada. Relatório sigiloso da Corregedoria da Câmara, elaborado logo no início do escândalo, aponta veementes indícios de envolvimento de 40 parlamentares com a máfia dos sanguessugas. No documento constam gravações de conversas sobre emendas, acertos de pagamento de propina e contas bancárias de parlamentares supostamente abastecidas com dinheiro da máfia. As indicações de fraude deixaram estarrecidos o deputado Antônio Carlos Biscaia (PT-RJ) e o senador Amir Lando (PMDB-RO), respectivamente presidente e relator da mais nova CPI. Os dois tomaram conhecimento do relatório na sexta-feira e, imediatamente, decidiram requisitar uma cópia dos papéis. Entre os nomes citados no documento estão os dos deputados Nilton Capixaba (PTB-RO), Reginaldo Germano (PFL-BA) e João Caldas (PL-AL). O relatório está sendo guardado a sete chaves na Corregedoria da Câmara e na Procuradoria Geral da República, para onde foi enviado no início do mês. O relatório é a peça mais devastadora produzida sobre o relacionamento de parlamentares com o grupo do empresário Darci José Vedoin, apontado pela polícia como o chefe dos sanguessugas."

Sobre o autor

Reinaldo Azevedo, jornalista, é colunista da Folha e âncora do programa "O É da Coisa", na BandNews FM. É autor de "Contra o Consenso", "O País dos Petralhas I e II", "Máximas de um País Mínimo" e "Objeções de um Rotweiler Amoroso".

Sobre o blog

O "Blog do Reinaldo Azevedo" trata principalmente de política; envereda, quando necessário — e frequentemente é necessário —, pela economia e por temas que dizem respeito à cultura e aos costumes. É uma das páginas pessoais mais longevas do país: vai completar 13 anos no dia 24 de junho.

Mais Reinaldo Azevedo