Topo
Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

ENIGMA 5: Ônix e reforma em 3 semanas. Não haverá. Patriotismo como refúgio

Reinaldo Azevedo

2021-05-20T19:05:30

21/05/2019 05h30

Onyx Lorenzoni: reforma até começo de junho? É impossível

Outra dificuldade de Bolsonaro é que mesmo os seus homens encarregados da negociação política vivem num estágio de negação da realidade, de alienação. Presente à cerimônia de lançamento da campanha em favor da Previdência, Onix Lorenzoni, ministro da Casa Civil, afirmou:
"A nova Previdência vai ser aprovada agora no início de junho. Sabe por quê? Porque os homens e mulheres, as mulheres e os homens, que estão no parlamento brasileiro sabem que ela é fundamental para o presente e futuro do país que todos nós amamos".

E acrescentou:
"Temos diferenças ideológicas? Sim. Temos diferenças de concepção de países? Também. Temos diferenças de concepção de governabilidade? Também. Mas há uma responsabilidade que está acima de cada um de nós, que é a responsabilidade com a pátria que nós amamos"

A chance de se aprovar a reforma em três semanas é inferior a zero. E por que Lorenzoni falou? Porque, dada a ausência de articulação política, fala-se qualquer coisa e se apela ao patriotismo como última saída.

Sobre o autor

Reinaldo Azevedo, jornalista, é colunista da Folha e âncora do programa "O É da Coisa", na BandNews FM. É autor de "Contra o Consenso", "O País dos Petralhas I e II", "Máximas de um País Mínimo" e "Objeções de um Rotweiler Amoroso".

Sobre o blog

O "Blog do Reinaldo Azevedo" trata principalmente de política; envereda, quando necessário — e frequentemente é necessário —, pela economia e por temas que dizem respeito à cultura e aos costumes. É uma das páginas pessoais mais longevas do país: vai completar 13 anos no dia 24 de junho.

Mais Reinaldo Azevedo