Topo
Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Advogado cobra Deltan a mostrar ofícios da PF sobre inutilidade da perícia

Reinaldo Azevedo

12/08/2019 18h09

A afirmação de Deltan Dallagnol a ÉPOCA, de que não entregou seu aparelho celular por recomendação da Polícia Federal , despertou a curiosidade — e a cobrança — de alguns advogados.

Segundo Dallagnol, a PF afirmou que uma perícia no aparelho seria inútil, uma vez que o ataque foi via internet, no hackeamento do Telegram, sem a invasão de celulares.

O advogado Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, fez uma observação:

"O aparelho é um aparelho funcional. Ele trocou o aparelho e apagou as mensagens. O que a força-tarefa faria em uma situação como esta? É correto o agente público, principalmente quando estão sendo questionados os seus atos, eliminar o que poderia ser uma prova?"

Kakay avalia que seria importante Dallagnol apresentar os ofícios em que a PF disse ser inútil a perícia:

"Seria importante que fossem apresentados os ofícios em que foram apresentados os celulares a Polícia Federal para perícia e os ofícios da Polícia Federal devolvendo os aparelhos com a afirmação de que a perícia seria inútil. Até para apurar responsabilidades e mesmo verificar se houve autorização ou determinação para a 'higienização' dos aparelhos", cobrou Kakay.(…)

Leia a íntegra de Guilherme Amado na Época.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Reinaldo Azevedo, jornalista, é colunista da Folha e âncora do programa "O É da Coisa", na BandNews FM. É autor de "Contra o Consenso", "O País dos Petralhas I e II", "Máximas de um País Mínimo" e "Objeções de um Rotweiler Amoroso".

Sobre o blog

O "Blog do Reinaldo Azevedo" trata principalmente de política; envereda, quando necessário — e frequentemente é necessário —, pela economia e por temas que dizem respeito à cultura e aos costumes. É uma das páginas pessoais mais longevas do país: vai completar 13 anos no dia 24 de junho.

Mais Reinaldo Azevedo