Topo
Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Bolsonaro tuíta que três empresas deixariam Argentina e apaga depois

Reinaldo Azevedo

06/11/2019 11h56

Os principais jornais argentinos estamparam como manchete na manhã desta quarta-feira (6), em suas páginas web, a postagem em uma rede social do presidente brasileiro, Jair Bolsonaro.

A publicação feita no Twitter dizia: "MWM, fábrica de motores americanos; Honda, gigante dos automóveis; e L'Oréal anunciaram fechamento de suas fábricas na Argentina e sua instalação no Brasil", insinuando que a vitória do kirchnerismo seria a razão.

A notícia causou alarde na Argentina, sendo o destaque dos noticiários matutinos.

No Clarín, o título principal, às 8 horas era: "Bolsonaro anunciou que três empresas fecham fábricas na Argentina para irem ao Brasil". No La Nación: "Bolsonaro diz que três multinacionais fecham na Argentina".

Em pouco mais de uma hora, porém, a postagem sumiu.

Ouvidas, as empresas negaram a informação.(…)

Leia a íntegra de Sílvia Colombo, na Folha.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Reinaldo Azevedo, jornalista, é colunista da Folha e âncora do programa "O É da Coisa", na BandNews FM. É autor de "Contra o Consenso", "O País dos Petralhas I e II", "Máximas de um País Mínimo" e "Objeções de um Rotweiler Amoroso".

Sobre o blog

O "Blog do Reinaldo Azevedo" trata principalmente de política; envereda, quando necessário — e frequentemente é necessário —, pela economia e por temas que dizem respeito à cultura e aos costumes. É uma das páginas pessoais mais longevas do país: vai completar 13 anos no dia 24 de junho.

Reinaldo Azevedo