PUBLICIDADE
Topo

Dante, o presidente da Funarte de Bolsonaro, já foi um satanista. Eu provo!

Reinaldo Azevedo

04/12/2019 07h56

Assistiam ao vídeo abaixo. Volto em seguida.

A Funarte tem um novo presidente: Dante Henrique Mantovani. O rapaz tem um currículo repolhudo, embora ninguém tivesse ouvido falar dele. Mas esta é uma das características do governo de Jair Bolsonaro: aqueles que foram premiados pela irrelevância em razão de sua obra ganham lugar de destaque no governo. Para quê? No mais das vezes, para desmontar políticas públicas. Nada têm a propor. Seu vício é destruir o trabalho alheio. Pois é… Vocês sabem que não pratico jornalismo de denúncia. Mas agora a coisa é forte: o nosso Dante já foi um satanista!

"Como, Reinaldo Azevedo?" Bem, opera-se aqui com os critérios de… Dante!

O rapaz já escreveu com todas as letras:
"O rock ativa a droga, que ativa o sexo, que ativa a indústria do aborto. A indústria do aborto, por sua vez, alimenta uma coisa muito mais pesada, que é o satanismo. O próprio John Lennon disse que fez um pacto com o diabo."

O cara é formado em… música!

Voltemos ao vídeo lá do alto. Aquele que aparece tocando guitarra entre os vocalistas é… Dante. Há o risco de vocês não terem identificado a música: trata-se de "Wish you were here", do "esquerdista e globalista" Pink Floyd.

Está lá, logo nos primeiros versos:
So, so you think you can tell
Então, então você acha que consegue distinguir
Heaven from hell?
Céu de inferno?

Huuummm… Vai ver Dante ainda não havia conhecido o seu Virgílio: Olavo de Carvalho! E aí tudo mudou. A música também pode ser esclarecedora nesse caso:
Did they get you to trade
Fizeram você trocar
Your heroes for ghosts?
Seus heróis por fantasmas?

É possível que o Dante que toca acima ainda não tivesse descoberto que a Terra é plana e que Olavo é um filósofo literalmente sem igual.

Não deixa de ter a sua graça. A letra é de autoria de Roger Waters. Em outubro do ano passado, o artista esteve no Brasil, e alguns bolsonaristas arrumaram treta com ele por causa de um "#Ele não" projetado no telão. O então candidato também aparecia numa lista de políticos considerados neofascistas. A propósito: o que bolsonaristas faziam num show de Waters?

Quanto a Dante, vai saber… Talvez ainda vivesse na era da inocência, né? É possível que ainda não soubesse que os Beatles e Elvis Presley eram marionetes do comunismo internacional. A revelação veio junto com o seu fanático terraplanismo, revelado em mais esta mensagem:

Mas seria injusto, claro!, tomá-lo apenas por essas esquisitices. Abaixo, ele aparece num momento lírico, regendo, por assim dizer, uma orquestra imaginária. Vê-se que sente a música. Dá até para ouvir as suas inspiradas inspirações. Nunca se viu antes maestro tão disciplinado pela orquestra! Os dois vídeos estão no canal de Youtube do jornalista Guilherme Macalossi.

"Ah, lá vai essa imprensa destruir reputações…"

Não! O púbico tem o direito de saber o que pensam os homens… públicos.

A gestão à frente da Funarte promete!

Nessa conversão de Dante ao olavismo-terraplanismo, há ao menos uma boa notícia: ele nunca mais vai tocar Pink Floyd!

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Reinaldo Azevedo, que publicou aqui o primeiro post no dia 24 de junho de 2006, é colunista da Folha e âncora do programa “O É da Coisa”, na BandNews FM.

Sobre o blog

O "Blog do Reinaldo Azevedo" trata principalmente de política; envereda, quando necessário — e frequentemente é necessário —, pela economia e por temas que dizem respeito à cultura e aos costumes. É uma das páginas pessoais mais longevas do país: vai completar 13 anos no dia 24 de junho.