Topo
Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Nova bomba no quintal de Flávio Bolsonaro: inquérito da PF que chega à PGR o investiga por lavagem e falsidade ideológica eleitoral

Reinaldo Azevedo

2006-02-20T19:07:41

06/02/2019 07h41

Uma nova bomba estourou no quintal do senador Flávio Bolsonaro. Informa O Globo:
"A Procuradoria-Geral da República (PGR) recebeu um inquérito da Polícia Federal (PF) em que o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) é investigado por lavagem de dinheiro e falsidade ideológica eleitoral. O caso, segundo documentos obtidos pelo GLOBO, envolve "negociações relâmpago de imóveis" que teriam resultado no "aumento exponencial" do patrimônio do filho do presidente Jair Bolsonaro. O caso é distinto daquele que tramita no Rio e envolve o ex-assessor Fabrício Queiroz, citado em relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). A possível conduta criminosa imputada ao senador está registrada em um despacho assinado pelo subprocurador Juliano Baiocchi. As suspeitas são de lavagem de dinheiro por meio da compra de imóveis e a declaração à Justiça Eleitoral do valor de um imóvel abaixo do seu preço real. Não há detalhes nos documentos sobre quais negociações de imóveis despertaram a suspeita de lavagem de dinheiro."

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, vai decidir se remete o caso ao STF ou o envia à primeira instância, o que é provável, já que os fatos não guardam relação com o seu mandato de senador.
Continua aqui

Sobre o autor

Reinaldo Azevedo, jornalista, é colunista da Folha e âncora do programa "O É da Coisa", na BandNews FM. É autor de "Contra o Consenso", "O País dos Petralhas I e II", "Máximas de um País Mínimo" e "Objeções de um Rotweiler Amoroso".

Sobre o blog

O "Blog do Reinaldo Azevedo" trata principalmente de política; envereda, quando necessário — e frequentemente é necessário —, pela economia e por temas que dizem respeito à cultura e aos costumes. É uma das páginas pessoais mais longevas do país: vai completar 13 anos no dia 24 de junho.

Mais Reinaldo Azevedo